10.10.14

Viagem: Intercâmbio na Bélgica

Sempre falo bem e coloco fotos para inspirarem as pessoas a ''turistarem'' na Bélgica, mas hoje darei informações práticas para quem deseja fazer um intercâmbio, estudar ou estagiar em Bruxelas. 

Ilustrei o post com imagens do Tintin. Para quem não sabe o mesmo foi a criação do belga Hergé. Voilà!


Sobre a Cidade 

Com um pouco mais de um milhão de habitantes Bruxelas é uma miscelânea de culturas, religião e etnias. Você pode pensar que é como New York, mas não, é uma mistura incomparável, algo inédito na história contemporânea européia. A Capital belga é cheia de expatriados, parte deles são europeus que trabalham nas principais instituições políticas do continente, que se localizam em Bruxelas, outra parte trabalham em grandes companhias privadas. Geralmente esses expatriados moram nos bairros localizados ao redor do Parlamento, parte mais nobre da cidade. Em direção ao norte de Bruxelas você terá a leve impressão de que está em um país muçulmano, mulheres de véu, lojas e restaurantes com inscrições em árabe e por muitas vezes, se for mulher, ouvirá palavras desagradáveis ao passar no bairro deles vestida de forma que não os agradam, então evite ir nesses locais sem estar ''coberta''.

A capital belga é bilíngue, o que irá ajudá-lo a aprender, ou praticar, francês e holandês. Claro que o holandês belga possui um acento diferente do dos Países Baixos, mas pessoalmente eu acho mais bonito e fácil, e consigo me virar no país vizinho com o meu Nederlands van België. Inglês também é usado naturalmente em Bruxelas, devido ao grande número de Organizações Internacionais. 



Transporte Público

O transporte público funciona em Bruxelas, apesar de ser um pouco criticado pelos europeus, já que não existem linhas de metrô em ''abundância''. Porém, além do metrô, existem bons ônibus e trans por toda a cidade. Os pontos de ônibus possuem placas com os nomes das paradas e os horários. O que facilita muito na hora de descer se você não conhece o local, o horário também é disponibilizado O valor do bilhete individual é 2,20  e dá direito a andar pelos meios de transporte da STIB, a companhia aqui. Outra opção é comprar o passe mensal (49,00 ) ou o anual (499,00 ). 
A cidade também disponibiliza bicicletas, a Villo!, confira a tabela de preços aqui. 


Dinheiro e Moradia

O custo de vida em Bruxelas é mais caro do que nos países do sul da Europa, mas mais barato do que na Suíça ou Luxemburgo. Os aluguéis não são baratos e a opção mais viável para estudantes é alugar um estúdio ou dividir apartamentos com amigos. Não considero a alimentação barata, aquele jantarzinho com o ''pessoal'' na quinta-feira pode ter um valor bastante salgado para estudantes brasileiros. Existe um ditado engraçado: quem converte não se diverte (euro para real). Eu suma, você precisa saber administrar bem suas finanças e economizar mon ami. 

Escola de Idioma

Existem diversas escolas de idioma. A que eu mais indico é a CVO. Eu não sei exatamente como ela funciona em Bruxelas, mas a minha unidade em Grimbergen possui excelentes professores e opções de cursos intensivos, no meu caso eu tenho 3 horas de aula de holandês por dia. A escola também oferece espaço para grupos de estudo e fonoaudiólogos, a fono da minha unidade é ótima.



Faculdade

Para quem quer aprender francês ou holandês, mas ainda não se sente preparado para assistir aulas nessas línguas, é interessante saber que existem excelentes universidades em Bruxelas com o currículo em inglês, como a HUB. Uma faculdade de destaque aqui é a Vlerick, que é direcionada para business. As opções clássicas são as públicas ULB e VUB


Estágio

A AIESEC é a maior organização universitária do mundo - sem fins lucrativos. Existem cerca de 32 escritórios espalhados por universidades brasileiras, é só procurar um eles e pedir informações sobre GIP, intercâmbio profissional, na Bélgica. Existem grandes empresas parceiras da AIESEC aqui na Bélgica, como a Microsoft e Pepsico. Foi assim que parte dos meus colegas vieram para a Bruxelas.

Atividades Culturais

Bruxelas é repleta e museus, concertos e eventos culturais no geral. Além disso você pode ter acesso fácil de Bruxelas à Gent e Bruges, cidades mais turísticas na Bélgica. A localização da Capital também possibilita viagens ao exterior aos finais de semana, os trens e estradas são ótimos.

Opções de diversão em um país conhecido por chocolate, cerveja e babata-frita é o que não falta!


Curta nossa página no Facebook e fique por dentro das nossas dicas. 

9 comentários:

  1. Oi, Gabi
    Adorei seu "Papel com clips" rsrsr
    Amo as aventuras de tIntin e outro belga que amo é Hercule Poirot, da Ágatha Christie!!
    Muito bom saber mais sobre intercâmbio na Bélgica !! Nãos abia que tinha duas línguas.

    Um grande beijo e um bom final de semana,
    http://blogdmulheres.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi =)
      Fico feliz que tenha gostado do Papel com Clips e espero que volte outras vezes.
      Sim, na verdade alemão também é um idioma oficial, mas falado por uma minoria que mora perto da fronteira, ou seja, são 3 idiomas oficiais aqui na terra do Tintin
      Grande beijo e bom final de semana também

      Excluir
  2. fiquei com água na boca em fazer um intercambio. Excelentes dicas e descrições super precisas. Amei!

    www.fashionworldbykaren.com
    Instagram: www.instagram.com/fashionworldbykaren
    Facebook: www.facebook.com/fandbworld

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada pelos elogios Karen. Intercâmbio é sempre bom sim, invista se tiver a oportunidade.
      Grande beijo

      Excluir
  3. Mulher! Que post mais lindo! Alem de util, vem ilustrado com todas essas imagens do Tintin! Eu tenho a coleção inteira e aprendi a ler com Tintin au Tibet! Amo muito tanto os quadrinhos quanto a série animada!

    Acredita que apesar de ser uma pessoa nômade, eu nunca fiz intercâmbio? Vivo mudando de país, mas estudar que eh bom, nada!

    bjs de Filipinas,
    Gabi Barbará
    Barbaridades!
    Me ajude a tornar o Barbaridades ainda melhor!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gabi, fico feliz com seu retorno positivo sobre o post. Apesar de você não ter feito intercâmbio tenho certeza que o fato de sempre mudar de país te ensina igualmente muitas coisas.
      Beijos!

      Excluir
  4. ai que sonho, moraria fácil fácil lá! *.*
    Muito obrigada por comentar no meu blog!
    Sempre que atualizar me deixe um recado no meu blog! ♥♥♥

    Instagram: @re_becah

    Canal do YT: youtube.com/blogdareh

    Fanpage: facebook.com/blogdareh

    Beeeijooos da Reh,

    www.blogdareh.com.br

    ResponderExcluir
  5. Olá Gabi! Você saberia me dizer se os seus colegas que foram pela Aiesec tinham francês fluente ou só o inglês mesmo? Essas empresas pedem francês para programas de estágio?

    Obrigado!
    Matheus Rugno

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rodrigo,
      Normalmente as pessoas possuem apenas inglês fluente, mas com certeza com francês as chances se ampliam.
      Abraco

      Excluir